notícias

Agência de Defesa Agropecuária orienta produtores sobre vacinação contra aftosa

21/05/2019

Agência de Defesa Agropecuária orienta produtores sobre vacinação contra aftosa

O escritório regional da Adapar de Marechal Cândido Rondon alerta os proprietários de bovinos e búfalos sobre a importância de realizar o mais breve possível a vacinação dos animais contra a febre aftosa, pois até o início desta terça-feira (21) somente foram imunizados e comprovados menos de 35% do rebanho total que representa a meta de cobertura vacinal da região.

O prazo para comprovação vai até sexta-feira da semana que vem, dia 31, por isso, o órgão de defesa agropecuária orienta que os produtores se adiantem para cumprir esse prazo e para que não enfrentem dificuldades na reta final da campanha.

A Adapar lembra a todos que é obrigatório vacinar os bovinos e búfalos de até 24 meses de idade, incluindo os bezerros com poucos dias de vida. O produtor deve comprar a vacina nas lojas agropecuárias. Ao comprar a vacina deve obter a Nota Fiscal de compra da vacina e o Comprovante de Vacinação e Atualização Cadastral.

Confira algumas orientações para fazer a vacina:

* Sempre conserve a vacina em local resfriado, na geladeira ou caixa isotérmica com gelo; nunca expor ao sol. Somente transportar a vacina da loja agropecuária até a propriedade em caixa isotérmica com gelo, mantendo-a refrigerada até o momento da aplicação.

* Aplique a vacina com agulhas e seringas bem limpas e desinfetadas para evitar contaminações (antes de usar, deixe a seringa e agulhas em água fervente por 10 minutos). Agite bem o frasco antes de usar. Aplique com calma a vacina nos animais.

* A dose a ser aplicada é de 2 ml, para todos os animais até 24 meses, independente do tamanho e peso do animal. Essa é a dose correta, nunca aplique menos do que essa dosagem.

* Aplique a vacina na tábua do pescoço, via subcutânea ou intramuscular. Evite aplicar na parte traseira do animal, que é região de carne nobre.

* Deve-se preencher o Comprovante de Vacinação, relacionando corretamente a quantidade de animais existentes e de animais vacinados, por sexo e por idade. A quantidade de animais relacionada no Comprovante será cadastrada na ADAPAR e, portanto, deve ser exatamente igual ao existente na propriedade. Assim, o produtor deve aproveitar a vacinação para contagem dos animais e, somente depois, preencher o Comprovante de Vacinação.

* Para fazer a comprovação da vacinação nas Unidades Locais de Sanidade Agropecuária: levar as duas vias do Comprovante de Vacinação e Atualização Cadastral e a Nota Fiscal da compra da vacina;

* Se o produtor tiver mais de uma propriedade, deve ser preenchido um Comprovante para cada uma delas.

* Se numa mesma propriedade tiver a criação de bovinos e búfalos, preencher um Comprovante para cada espécie de animal.

Os produtores podem adquirir a dose da vacina em uma das 22 Lojas Agropecuárias Copagril distribuídas nas seguintes localidades: Marechal Cândido Rondon, Iguiporã, Porto Mendes, Margarida, São Roque, Quatro Pontes, Nova Santa Rosa, Novo Sarandi, Bela Vista, Dr.Oliveira Castro, Guaíra, Mercedes, Pato Bragado, Entre Rios do Oeste, São Clemente, Sub-Sede, São José das Palmeiras, Realeza (PR); Mundo Novo, Eldorado, Itaquiraí e Naviraí (MS).

A comprovação da imunização pode ser feita na Adapar ou pela internet acessando a página da Adapar (www.adapar.pr.gov.br/Acesso Rápido).

Outras Notícias:


LocalizacaçãoSede Administrativa
Rua Nove de Agosto, 700
Marechal Cândido Rondon - PR
CEP: 85960-000

Fone: (45) 3284-7500 -
Redes SociaisSAC
Copyright® Copagril - Todos os direitos reservados - Política de Privacidade Produzido por BRSIS